terça-feira, 14 de agosto de 2012

Resenha: O RESGATE DO TIGRE de Colleen Houck - Editora Arqueiro


Quando escrevi a resenha do livro A MALDIÇÃO DO TIGRE a cinco meses atrás, eu o comparei com um conto de fadas, por conta de uma história cheia de aventura, fantasia, romance e inocência. Somente um conto de fadas envolveria tanta magia, onde o mocinho - o príncipe Ren - se tornaria um lindo tigre branco, e a mocinha - a plebéia Kelsey - tornaria sua salvadora.

A princípio, achei o livro muito parecido com a Bela e a Fera, onde o príncipe após sofrer uma maldição torna-se uma fera e apenas o amor de uma jovem plebéia poderia salvá-lo. Mas, esqueça isso, a série “A Maldição do Tigre” vai muito além das minhas expectativas. É unicamente lindo.

Conhecemos no livro anterior Kelsey, uma jovem órfã, que vivia com seus pais adotivos em Oregon. E embora amada por eles, ela queria torna-se independente, mas, pra isso precisaria encontrar um emprego para pagar seus estudos e dar inicio a sua independência. Foi aí que por coincidência ou destino, Kelsey se viu cuidando de um belo tigre branco em um circo que estava de passagem. Com o decorrer da estória, nos surpreendemos com outra ainda mais encantadora, Ren, nome dado ao Tigre por Kelsey, vem a ser um   M-A-R-A-V-I-L-H-O-S-O Príncipe Indiano de olhos azul cobalto que fora amaldiçoado há 300 anos passado, junto com seu irmão Krishan. A jornada de Kelsey e seu tigre, começa com muita aventura e desventuras, muitos animais encantados e lendas, a fim de achar as prendas da Deusa Durga que libertará os tigres da maldição. E o livro I, termina com Kelsey retornando a Oregon, os príncipes ganhando mais seis horas como humanos, após achar a primeira prenda. Mas, sabemos que ainda faltam três prendas para quebrar a maldição. É quando somos apresentados ao segundo livro...

O RETORNO DO TIGRE começa a partir daí, Kelsey retorna pra sua casa em Oregon, após a aventura vivida com Ren nas ruínas de Durga. O que ela não espera, são as surpresas que encontra pela frente, sua vida realmente mudou depois que conhecera Ren, Sr. Kasam e Krishan.
Tentando adaptar-se sua nova condição, Kelsey ingressa na universidade e tenta seguir naturalmente sua vida. Faz novos amigos e passa ser alvo de flertes de pretendentes apaixonados. Mas, Kelsey não consegue tirar de sua cabeça o seu verdadeiro amor, luta contra seus sentimentos e se vê numa batalha inútil. 
Somente quando Ren, aparece novamente em sua vida, as coisas ficam mais claras, com a emoção a flor da pele, Kelsey é vencida pela paixão.
É neste momento de felicidade e entrega que o pior acontece, Lokesh está a sua procura e fará de tudo pra  capturá-la, até mesmo aprisionar seu amor e torturá-lo em troca de sua vida.

Agora Kelsey, se vê correndo contra o tempo para salvá-lo das garras do maléfico Lokesh, pra isso necessita da ajuda de Krishan, que não exita em ajudá-la, por dois motivos, remorso que sente pelo irmão e o um sentimento arrebatador por Kelsey que está aflorando.
Coincidentemente a busca pela segunda prenda de Durga é que poderá salvar Ren do perigo, mas também servirá como teste de resistência aos irresistíveis olhos dourados de seu cunhado que brinca a toda hora com seus sentimentos agora questionados.
O Livro é narrado em primeira pessoa, conhecemos os detalhes desta aventura ao lado de Krishan através dos olhos de Kelsey o que torna a estória mais divertida, pois ela, por diversas vezes se envolve em situações hilárias e nos passa suas emoções de medo, alegria, saudade, insegurança e até dúvidas quanto aos seus verdadeiros sentimentos. 
A autora, abusou bastante a própria criatividade, abusou dos personagens, explorou lugares, usou mitologias e misturou tudo com cuidado, sem exageros.

Nesta continuação, conhecemos novos personagens que vieram pra esquentar um pouquinho a relação entre Kelsey e Ren, mas, quem mais esteve presente mesmo no meio dos dois, foi Krishan com sua pinta de bad boy sensual.
Houve alguns acontecimentos que achei desnecessário, como por exemplo, a terceira casa, achei boba e dispensável (você entenderá quando ler).
Tirando esse detalhe, O Resgate do Tigre é tão bom quanto o primeiro livro da Saga.
Aos poucos o indomável Tigre Negro, vai mudando de comportamento e mostra-se digno e leal cavalheiro... Será que isso vai atrapalhar o amor entre Ren e Kelsey? Não vou dizer!! ^^
Mas, asseguro-lhes que o livro está recheado de emoção e muita agitação. Não vemos mais uma Kelsey indefesa e inofensiva, deparamos agora com uma verdadeira e valente heroína. Tudo em nome do amor e amor!
  
Confesso que não esperava o final que teve, mas, veio a calhar pra apimentar mais a estória que terá a sua sequencia no livro "A Viagem do Tigre" que será lançado no final de 2012.

Enquanto isso não acontece, uma noticia pra animar... A Paramount Pictures ter adquiriu os direitos para transformar os livros da série A Maldição do Tigre em filme! Legal né?  

Nota 10 para O Resgate do Tigre, indicadíssimo!


3 comentários:

  1. Oi tudo bom?
    Adorei a resenha. Apesar de ter o livro ainda não li. Mas, se for tão bom quanto o primeiro já dá para ficar muito feliz!
    E adorei saber que terá filme! Bjus
    Ah! Ve se aparece lá no blog!
    Lia Christo
    www.docesletras.com.br

    ResponderExcluir
  2. Oi Ni, tudo bem?
    Olha só: eu só tive a oportunidade de ler o primeiro livro, e me apaixonei *-*. Concordo com a Lia, se o segundo for tão bom quanto o primeiro, eu sei que vou terminar a leitura com um sorriso no rosto rs.
    Amei sua resenha
    beijos

    ResponderExcluir
  3. Oi Nizete! Adoro histórias assim! Aventura, romance, mistério, maldição, quebra, amores, amizades... deixa tudo tão instigante!

    ResponderExcluir

Vamos ficar super felizes com seu comentário.
Já estamos até sentindo sua falta!
Volte logo tá?
Bjão
Equipe Cia do Leitor