quinta-feira, 9 de julho de 2015

Resenha: Aprendiz - de Raymond E. Feist - Editora Saída de Emergência

APRENDIZ
Saga O Mago - Livro 1
Raymond E. Feist
Editora Saída de Emergência

Sinopse: Na fronteira do Reino das Ilhas existe uma vila tranquila chamada Crydee. É lá que vive Pug, um órfão franzino que sonha ser um guerreiro destemido ao serviço do rei. 

Mas, a vida dá voltas e Pug acaba se tornando aprendiz do misterioso mago Kulgan. Nesse dia, o destino de dois mundos altera-se para sempre.
Com sua coragem, Pug conquista um lugar na corte e no coração de uma princesa, mas subitamente a paz do reino é desfeita por misteriosos inimigos que devastam cidade após cidade. Ele, então, é arrastado para o conflito e, sem saber, inicia uma odisseia pelo desconhecido: terá de dominar os poderes inimagináveis de uma nova e estranha forma de magia… ou morrer.

Mago é uma aventura sem igual, uma viagem por reinos distantes e ilhas misteriosas, onde conhecemos culturas exóticas, aprendemos a amar e descobrimos o verdadeiro valor da amizade. E, no fim, tudo será decidido na derradeira batalha entre as forças da Ordem e do Caos

Resenha

É isso aí meu povo, eu comprei o box da Saga O Mago que eu tanto estava desejando! Se nossa parceira Saída de Emergência fosse enviar para mim todos os livros que desejo da editora, eles iriam à falência! Cai por terra o mito que resenhistas só falam bem dos livros dos parceiros por obrigação, há! Eu amo todos os livros da Saída de Emergência!!! #prontofalei.

E no dia seguinte ao recebimento, o box estava pela metade do preço (ainda não consegui decidir se eu amo ou odeio o submarino). Para quem também está de olho nesse box, e assim como eu estava com medo de ser a edição econômica, eu já aviso que a edição é a normal! Pelo menos o meu box era…

Mas vamos parar com esse papo de mãe coruja falando bem dos filhos e vamos ao que interessa, a estória!
Como vocês sabem, ou não, eu fiz recentemente uma resenha do livro A Filha do Império, do mesmo autor e editora, e nela cheguei a citar que ela se passava no mesmo mundo. Então, essa afirmação é verdadeira, mas não é ao mesmo tempo. E agora que iniciei a saga do Mago, eu finalmente entendi as diferenças. E eu estou me remoendo de vontade de revelar toda essa análise comparativa de forma a explicar como as duas estórias se unem, mas….. não vou fazer isso. Basta dizer que, se você ler A Filha do Império antes, muitas coisas estarão mais claras ao ler esse livro. Porém essa saga foi criada antes, então vocês decidem a ordem que preferem ler.

Aprendiz se passa em Midkemia, um lugar à la Terra Média, onde existem elfos, anões, dragões, homens, etc. A estória se inicia no ducado de Crydee, onde vive Pug, um órfão que foi criado pelos serviçais do castelo do duque e que está se preparando para a tensa cerimônia quando será decido de qual artesão ele será aprendiz. E logo no início ele se encontra com o Kulgan, mago do duque, (e o empregado dele) em uma noite de forte tempestade na floresta. A curiosidade do mago em relação à Pug se aguça quando o mesmo foi capaz de usar um dispositivo mágico.

Passado alguns tempo, ele se encontra na cerimônia, juntamente com o seu melhor amigo (praticamente irmão) Tomas. E como você já deve ter deduzido, Pug é chamado para ser o aprendiz do mago. Mas o mote do livro não é simplesmente Pug aprendendo magia. Porque uma guerra está prestes a ser iniciada.

E tudo começa quando Pug e Tomas invadem um navio naufragado que está prestes a afundar de vez. Dentro desse navio eles encontram objetos bem singulares e um sobrevivente muito estranho e hostil. Revela-se que tal navio e tripulação não são de Midkemia, nem de nenhum lugar próximo. Eles vieram de outro mundo através de portal aberto por magia. E é a partir daí que começou a minha sinfonia de "Ah…." (me segurando para não revelar nada).

Não se sabe ao certo porque esse navio foi enviado para Midkemia, nem como. Porém diversos relatos estão sendo feitos, por diferentes povos, que tais estranhos estão vindo com mais frequencia do que eles pensaram inicialmente. Tudo indica que eles estão se preparando para uma invasão, porém o inverno está chegando (ops, livro errado). Agora resta esperar pela primavera, quando ao que tudo indica o primeiro ataque ocorrerá. Então eles precisam aproveitar esse tempo para organizar os exércitos de Midkemia para essa invasão eminente.

Assim como ocorreu com A Filha do Império, o Aprendiz foi um livro fácil de ser devorado. Com uma narrativa fluida e recheado de lutas. Eu tenho grandes expectativas, tanto para o Pug quanto para o Tomas. Creio que são personagens que vão crescer incrivelmente ao longo dessa guerra. Eu decidi que a origem de Pug é um mistério e estou decidida a decifrá-lo (na verdade eu tenho uma teoria…). Sem dúvidas esse livro é um clássico da literatura fantástica e estou muito feliz pela Saída de Emergência o ter publicado, mesmo sendo um livro tão antigo (ele foi publicado em 1981 e essa edição comemorativa de 10 anos em 1991). Raymond foi influenciado por Tolkien e isso fica bem claro, porém a originalidade da estória é incontestável.

Como já havia dito no início da resenha, o livro não é edição econômica. É lindo, maravilho, com uma capa mais do que bela. Junto com o livro veio um mapa, o que foi super legal porque o consultei diversas vezes ao longo da leitura, sem precisar fechar o livro! De mim, o livro recebeu 5 estrelas e foi favoritado. Pela BBC, ele foi considerado um dos melhores 100 livros da história. 
Então prepare-se para uma aventura emocionante, por terras desconhecidas e com personagens fantásticos!

Classificação


Sobre o autor

Feist é um dos nomes mais importantes da história da literatura fantástica. Nasceu no Sul da Califórnia e, atualmente, vive em San Diego. Foi também em
San Diego que se formou,
com honras, em Ciências da Comunicação em 1977.
Tendo sido traduzido em
mais de trinta países, Mago
foi o seu primeiro livro e serve de base para uma vasta obra que tem conquistado, ao
longo dos anos, as listas de bestsellers do New York Times e do Times of London.
Quando não está escrevendo, Raymond E. Feist é um colecionador de DVDs, estudioso da história do futebol americano, fã de ilustração e um grande apreciador de bons vinhos.







10 comentários:

  1. Já li A Filha do Império e o achei muito bom. A trilogia do mago está aguardando a leitura na estante, Tomara que eu goste.

    bomlivro1811.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O Mago é excelente. E na verdade são quatro livros. Se você gostou de A Filha do Império, você irá amar esse livro.
      Bjs.

      Excluir
  2. querida Patrícia, Feist é um autor que sempre carrego em minha listinha, mas que nunca encontro coragem para adquirir. explico: a saga Mago (Riftwar, nos EUA) é composta de 6 livros, são estes 4 do box, mais dois lançados em 1989, nos EUA. a saga Império (Riftwar : The World On the Other Side, nos EUA) é uma trilogia, do mesmo universo, sendo o livro que você citou foi lançado em 1987, lá fora e os outros dois em 1989, portanto ao mesmo tempo que os dois últimos da saga Mago. olha só que confusão. sem contar que no mesmo universo temos outras duas quadrilogias - Riftwar : Serpentwar e Riftwar : Legacy, portanto mais 8 livros. sem contar outra trilogia - Legends of the Riftwar. putz... fico completamente louco quando me deparo com isso. tenho dificuldades. lógico que cruzo os dedos para que tudo seja lançado, mas não aposto dinheiro nisso.
    voltando ao livro... é bem ao estilo capa/espada, idade média, do jeito que eu gosto. um luxo! e sendo um clássico, impossível deixar pra lá. vou continuar esperando o lançamento de todo o restante, dedos cruzados. sua resenha só aumentou meu apetite. parabéns!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sei bem esse sentimento. Eu já fiz a minha listinha com todos os livros do universo criado por Feist. Agora só me resta a esperança que a Saída lance todos por aqui, mesmo com tantas décadas de atraso.

      Excluir
  3. Oi Patricia tudo bem? Não conhecia a série, mas achei realmente, só olhando a capa, o livro lindo! EU amo fantasia e adoro como nesses livros eles sempre colocam a amizade como pilar principal da construção da história! Amei e com certeza, fica mais do anotada!

    Beijos,
    Joi Cardoso
    Estante Diagonal

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Uma estória de fantasia é sempre maravilhosa. E muitas vezes uma estória com uma grande amizade é muito mais emocionante do que um romance. Eu também morri com essa capa, não há como resistir.
      Bjs.

      Excluir
  4. Oi Ni,

    Até hoje só li este livro ( o primeiro) da Saga e amei. Que pena que não comprei na promoção. Será que ainda pego.
    Também sou apaixonada pelas obras da Saída de emergência e a Série Outlander então é meu livro de cabeceira e sem falar na série da TV que assisti a primeira temporada e contando nos dedos para chegar logo a segunda.
    Um bom fim de semana!!!
    Beijos


    Saleta de Leitura

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Acho que você ainda consegue pegar a promo, ou talvez uma ainda melhor.
      Eu sou loucha par aller Outlander e por isso mesmo ainda não assisti ao seriado. E também amo os livros da Saída, é uma editora que parece ter sido feita especialmente para mim.
      bjs.

      Excluir
  5. Oi Ni
    Não estou acompanhando essa série, mas sempre vejo ótimas resenhas, vou colocar na minha lista de futuras compras ;)
    Parabéns pela resenha
    Beijinhos
    Renata
    Escuta Essa

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Inclui mesmo, porque essa série merecesse.
      Bjs.

      Excluir

Vamos ficar super felizes com seu comentário.
Já estamos até sentindo sua falta!
Volte logo tá?
Bjão
Equipe Cia do Leitor