quarta-feira, 1 de julho de 2015

Resenha - Gayle Forman - Eu Estive Aqui - Editora Arqueiro

EU ESTIVE AQUI
Gayle Forman
Editora Arqueiro

Sinopse - Quando sua melhor amiga, Meg, toma um frasco de veneno sozinha num quarto de motel, Cody fica chocada e arrasada. Ela e Meg compartilhavam tudo... Como podia não ter previsto aquilo, como não percebera nenhum sinal?

A pedido dos pais de Meg, Cody viaja a Tacoma, onde a amiga fazia faculdade, para reunir seus pertences. Lá, acaba descobrindo muitas coisas que Meg não havia lhe contado. Conhece seus colegas de quarto, o tipo de pessoa com quem Cody nunca teria esbarrado em sua cidadezinha no fim do mundo. E conhece Ben McCallister, o guitarrista zombeteiro que se envolveu com Meg e tem os próprios segredos.

Porém, sua maior descoberta ocorre quando recebe dos pais de Meg o notebook da melhor amiga. Vasculhando o computador, Cody dá de cara com um arquivo criptografado, impossível de abrir. Até que um colega nerd consegue desbloqueá-lo... e de repente tudo o que ela pensou que sabia sobre a morte de Meg é posto em dúvida.

Eu estive aqui é Gayle Forman em sua melhor forma, uma história tensa, comovente e redentora que mostra que é possível seguir em frente mesmo diante de uma perda indescritível.

Ano: 2015 / Páginas: 240
Editora: Arqueiro

Resenha

Eu estive aqui é um livro que conta o desespero da jovem Cody ao descobrir que não conhecia tão bem sua melhor amiga e quase irmã, ao receber um e-mail suicida que ela programou para Cody e seus pais um dia depois de sua morte.

Cody e Meg são amigas desde infância, a mãe de Cody nunca foi uma mãe exemplar, teve a filha por um erro com um cara qualquer e não tem a menor vocação para ser mãe, então a família de Meg sempre a acolheu como se fosse uma filha. Quando chegou a época da faculdade, Cody e Meg fizeram vários planos para permanecerem juntas, porém a mãe de Cody não teve dinheiro para bancar uma faculdade, então Meg foi e Cody ficou para tentar uma faculdade pública.

A distância deixou Cody um pouco fria com Meg, elas já não mantinham um contato frequente, embora Meg sempre a procurasse. Cody chegou a ir visitar Meg, mas nem conseguiu ficar o tempo que planejaram e alegou estar ficando doente para ir embora antes. Então Cody se sente culpada por ter se afastado de Meg, mas nunca passou pela sua cabeça que a amiga pudesse estar querendo acabar com a própria vida.

"Mas no fim das contas, eu não a conhecia nem um pouco."

Os pais de Meg pedem a Cody que ela vá buscar as coisas de Meg, para que possam liberar o quarto dela para outra pessoa, chegando lá Cody conhece os colegas que dividiam a casa com Meg, que aliás são pessoas que não tem nada a ver com ela e lá acaba descobrindo algumas coisas que Meg sequer tinha contado para ela, que ela se envolveu com roqueiro guitarrista de uma banda e também sobre dois gatinhos que Meg salvou a vida e estava cuidando deles. Os gatinhos são a coisa mais fofa e receberam o nome de Grapete e Repete, o pessoal da casa entrega os gatinhos a Cody que não sabe o que fazer com eles, pois sua mãe jamais aceitaria cuidar deles e os pais de Meg tem um cachorro que odeia gatos.

Cody decide investigar os e-mails de Meg para ver se descobre o motivo que a levou tirar a própria vida e acaba descobrindo alguns e-mails trocados com Ben (o roqueiro) e começa a pensar se não foi uma desilusão amorosa, e resolve procurar o tal Ben em um de seus shows, então descobre que ele é um tremendo conquistador e que eles eram amigos e depois acabaram transando e a relação deles esfriou.

Quando Cody volta para casa os pais de Meg dão a ela o laptop de da filha, e Cody descobre um arquivo criptografado e não consegue abrir, então ela pede ajuda de um amigo que entende do assunto que consegue liberar o arquivo. A partir de então Cody vai fazer de tudo para descobrir o que fez sua melhor amiga cometer suicídio.

O livro é muito bonito, trata de como é difícil lidar com a perda e com a culpa, de como nunca conhecemos uma pessoa como achamos que conhecemos. Um livro que me prendeu desde as primeiras palavras até o fim, uma estória que me cativou. Gayle Forman mais uma vez me encanta com suas lindas estórias. A autora costuma escrever duologias com pontos de vistas de personagens diferentes, não sei se esse livro ela irá manter o padrão, não vi nada a respeito, mas seria interessante se tivesse o livro com o ponto de vista da Meg.

Recomendo a leitura para todos.

Classificação


Lindo kit cedido pela editora Arqueiro parceira do blog







27 comentários:

  1. Eu recebi este livro ontem e este kit é muito lindo...
    Gostei muito da sua resenha. Já tinha lido outras, mas a sua tem mais alguns detalhes que me elucidaram melhor a história.
    Bjus
    Lia Christo
    www.docesletras.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bacana, espero que aprecie a leitura tanto quanto eu. Bjs

      Excluir
  2. Os livros desse autor é garantia de sucesso.
    Apesar de não gostar muito de livros de romance e drama, achei esse diferente e a história interessante,
    Dessa vez você me convenceu.
    Boa resenha
    Kelvin

    ResponderExcluir
  3. Como assim você começa a conta a historia do livro e me deixa aqui querendo ler o livro todo agora . Eu preciso desse livro urgente
    onde eu compro ele ? aah eu preciso ler ele
    http://eesmaltecia.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. rsrsrsrs o livro você encontra facilmente em qualquer livraria. Espero que goste tanto quanto eu. Bjs

      Excluir
  4. Oi Danielle..
    Ainda não li nada da autora, mas gostei muito da descrição deste livro.
    Falam muito bem dele e com você não foi diferente. Bela resenha, sem dúvida uma ótima dica.

    livrosvamosdevoralos.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  5. Já estava um pouco interessada nesse livro antes, agora quero para ontem haha
    Beijos
    http://diariodeumablogeira.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  6. Recebo a sua recomendação com o maior prazer! Eu quero esse livro. Li Se eu ficar e Para onde ela foi da autora e gostei da sua escrita, achei ela bem criativa. Pessoas assim me cativam.
    Agora que fui procurar e vi que ela tem outros livros que me interessam, inclusive esse
    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tenho certeza que vai amar esse livro então. Bjs

      Excluir
  7. Adorei sua resenha, to louca para ler esse livro e agora mais ainda.

    ResponderExcluir
  8. Olá, tudo bom?

    Tenho todos os livros da autora publicados pela Novo Conceito, mas não consegui gostar da escrita dela. Não sei, li bem pouco por esse motivo. Então não sei se tenho interesse em acompanhar os outros livros dela, mas parabéns pela resenha!!

    Beijos, Rob
    www.estantedarob.com.br

    ResponderExcluir
  9. Oi oi!
    Eu já tinha visto o livro mas não sabia do que se tratava, achei que era uma coisa totalmente diferente....
    Mas gostei muito de descobrir e já quero ler. Gosto de livros assim, com mistério, investigação e coisas do tipo, e também nunca li nada da autora, então, acho que seria um bom começo...
    Beijos!

    ResponderExcluir
  10. Olá, tudo bem?

    Quando li "If I Stay" me apaixonei pela escrita da Gayle Forman e quis mais e mais. Quando li "Where She Went" me decepcionei bastante com o rumo da história e passei a me perguntar se todos os livros da autora, no fim do dia, são Nicholas Sparkizados - mesma receita, personagens diferentes. Acho que a editora errou feio em seguir um padrão para as capas (alô, criatividade) e isso só reforça o meio receio de conhecer mais obras da autora :(

    Meraki

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que pena, eu adorei Para onde ela foi. Quanto ao padrão das capas também acho que poderiam mudar. Bjs

      Excluir
  11. Ainda não li nada da autora, mas gostei de ver a forma como descreveu muito bem o livro.
    Porém vejo muitas opiniões divergentes sobre a autora, muitas pessoas não gostam, e que bom que com você funcionou bem.
    Parabéns pela resenha!

    Saudações,
    Ace Barros
    Capitão do drakkar Interlúdio, navegando pelo Multiverso X
    multiversox.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Essa autora costuma dividir opiniões mesmo. A minha ela já conquistou. Bjs

      Excluir
  12. Gostei da resenha. O livro me lembra a playlist de Hayden, o qual também o amigo descobre que não sabe tanto sobre o outro quando ele comete suicídio e deixa um bilhete. Da Gayle já li apenas um ano e posso dizer que o estilo do livro é totalmente diferente. Nunca li ou assisti se eu ficar.
    Beijos! Carol.
    http://anamatosferreira.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Cada livro que eu li dela são temáticas bem diferentes e eu gostei de todos. Apenas Um Dia e Apenas Um Ano eu gostei bastante mas dei 4 estralas, os demais foram todos 5 estrelas.

      Excluir
  13. Dessa autora, somente li Se eu ficar e amei. Não esperava gostar tanto do livro. Então só por esse fato já fico tentada a ler outros livros dela. Mas antes de ler esse, eu irei ler Para onde ela foi.
    Bjs e parabéns pela resenha.

    ResponderExcluir
  14. Olha eu ainda não tive a oportunidade de ler esse livro da autora, mas estou bastante curiosa.
    Espero fazer a leitura assim que tiver no clima, porque eu ainda não sei o que esperar.
    Mas gostei bastante de tudo que você falou. Espero gostar, porque amei os outros livros da autora =D

    http://lovereadmybooks.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  15. Olá. Eu já li o livro da autora Se Eu Ficar e gostei muito da escrita da autora e fiquei bem curiosa para ler este livro e outros da autora.
    Amei o kit incrível que você recebeu da editora, ela é muito carinhosa <3
    Enfim, beijos e sucesso.

    ResponderExcluir

Vamos ficar super felizes com seu comentário.
Já estamos até sentindo sua falta!
Volte logo tá?
Bjão
Equipe Cia do Leitor